Há dezassete anos nasceu um novo artista nacional. A pessoa, já tinha nascido de pai e mãe como todos nós mas ainda sem saber o que o futuro lhe ia reservar. Mas, bem cedo, tudo começou a tornar-se evidente: seu nome Zé Manel!

Se por um lado já levo 17 anos disto, entre sucessos e quedas, por outro só tenho 32 e sinto que ainda sou o futuro da música portuguesa. Continuo a experimentar, a conhecer-me e a tentar embrulhar a minha arte de uma forma compreensível e justa para que seja entregue a todos os que me permitem viver a fazer o que amo”, diz-nos Zé Manel em relação ao que fez e ao que vai fazer.

O novo single Pressa (segundo tema a ser retirado do EP Expetativa), foi curiosamente, a primeira imersão de Zé Manel neste seu novo universo musical “este single foi a primeira experiência que fiz com o Beatoven e que me fez apaixonar por um lado da minha música que desconhecia. Pedi inicialmente a alguns produtores que reinterpretassem os meus temas, que nascem maioritariamente de um piano ou guitarra e voz. Curiosamente, talvez as minhas escolhas tenham recaído sobre as pessoas menos expectáveis dessa experiência, mas também aquelas que mais me inspiraram e despertaram curiosidade“. Diferente de tudo o que fez até hoje mas com uma ligação umbilical a esse tudo que pertence ao passado: a sua voz.

Pressa já se encontra disponível em todas as plataformas digitais.