Beware!

Syro

SYRO é o nome pelo qual Diogo Lopes se apresenta como
intérprete a solo. Natural do Barreiro começou desde novo a alimentar o gosto pela música e
pela escrita, com formação em diferentes academias e escolas de música, acabando por se
licenciar em Jazz e Música Moderna.
As suas raízes musicais ficaram fortemente vincadas pelo gosto musical que lhe foi transmitido
pelo pai, mais virado para o panorama rock internacional, sendo a banda Genesis – Phil Collins,
uma grande referência como baterista – talvez um dos projetos mais relevantes para o seu

percurso enquanto instrumentista. Integrou vários projetos como baterista, tendo sido co-
fundador da banda portuguesa CAELUM [com contrato discográfico com a Sony Music

Portugal] onde pisou alguns dos maiores palcos nacionais.
Enriquecendo a sua experiência enquanto músico, decidiu que tinha chegado a altura de obter
o seu espaço individual de expressão, apresentando-se assim a solo como SYRO. Desenvolveu
também a componente de songwriter, à medida que foi ganhando experiência em estúdio,
tendo inclusivé escrito temas para alguns artistas nacionais de renome.