Logo

Cláudia Leal

Cláudia Leal
Artista
Redes Sociais:

Cláudia Leal nasceu a 20 de Maio de 1979 na freguesia da Cova-da-Piedade, no concelho de Almada. Obstinada e determinada, desde muito cedo encontrou na música, principalmente no Fado, a sua forma de expressão. Estudou 3 anos no Conservatório Regional de Palmela e de Almada, Canto e Guitarra Clássica e de 2009 a 2017 estudou Guitarra Clássica com o seu Mestre José Carvalhinho.
Em 1994, participou no Festival da Canção Infanto-Juvenil Costa Azul no Teatro Luísa Todi, em Setúbal, e desde então que o gosto por cantar assume o principal papel na sua vida. Participou no programa radiofónico “Lugar aos Novos” da Rádio Renascença onde após algumas audições foi convidada para a gravação de um CD em conjunto com outros participantes. Em Maio de 1995, venceu o 2º Festival da Canção Infanto-juvenil da Feira Popular de Lisboa e o prémio de melhor intérprete. Em 1996, obteve o 2º lugar na Final do Festival do Sul no Algarve e venceu o festival de Música Portuguesa de Coina e o prémio de melhor intérprete.
Em 1997 alcançou o prémio de 1º classificado e o de melhor intérprete no 1º Festival Infanto-Juvenil da Cidade de Elvas. No ano seguinte descobriu a paixão pelo Fado e ganhou o concurso “Big Caloiro” do Programa televisivo “Big Show SIC” com o fado “Lágrima” de Amália Rodrigues e Carlos Gonçalves e ainda o primeiro lugar no concurso de Fado Amador do Beato. Em 1999, venceu o 3º Festival da Cidade de Elvas e o prémio de melhor intérprete no escalão sénior e no ano seguinte apresentou o mesmo festival com Paco Bandeira. Mais tarde tornou-se animadora no programa radiofónico “Manhãs Felizes”, da Rádio Voz de Almada, em conjunto com o profissional José Barata. Em 2001, venceu o 1º Festival da Canção de São João da Valeta em Arcos de Valdevez e o prémio de melhor interpretação. Em 2002, ficou em 3º lugar no concurso o Fado Mora na Feira (Feira Popular de Lisboa).
Ainda no mesmo ano, conquistou o 1º lugar e melhor intérprete no concurso de Fado Amador da Aldeia da Palhota, no concelho do Barreiro e venceu a 1ª eliminatória do concurso Encontros de Fado de Almada 2002, proporcionando-lhe a participação no programa televisivo “Fátima Lopes” como vencedora da mesma eliminatória. Em 2004 alcançou o 1º lugar no concurso “O Fado Mora em Marvila” e em Outubro respondeu a um apelo televisivo do Programa “Olá Portugal”, em homenagem a Amália Rodrigues, onde cantou ao vivo “É Noite Na Mouraria” de Amália Rodrigues. Em 2005, classificou-se em 2º lugar no 11º Concurso Distrital de Karaoke (Setúbal) e foi convidada para dar voz aos desenhos animados da série “Dora A Exploradora”, nos personagens Boot’s e Backpack e na série “Go Diogo Go” na Personagem Alice, ambas da RTP2.

Deu também voz ao brinquedo “Backpack” da Matel e ao videojogo “Dora A Exploradora” da Concentra. A 22 de Dezembro de 2006, na Aula Magna, conquistou o 2º lugar na "Grande Noite do Fado de Lisboa”, organizada pela Casa da Imprensa. Em Março de 2007, participou, a convite do Fadista Dr. Machado Soares, em dois espectáculos de fado, no prestigiado Instituto do Mundo Árabe (IMA), em Paris. No decorrer do mesmo ano, venceu o 8º “Concurso de Fado da Cidade de Odivelas” e o 1º “Concurso de Fado Amador Ribatejo a Cantar”. Em Outubro entrou para o elenco privativo da Casa de Fados “Marquês da Sé”, em Alfama, onde cantou várias noites ao lado de grandes nomes do fado. Em Maio de 2008 canta na III Gala de Entrega de Prémios Amália no Centro Cultural Olga Cadaval em Sintra. Em 2009 é convidada a dar voz ao projeto “Citânia”, gravando o álbum “Segredos do mar” editado a Setembro de 2011.
Em 2016 a fadista apresentou-nos o seu disco “Quarto Crescente”, com os convidados especiais Rão Kyao, Pedro Joia, Fernando Girão e José Manuel Neto. Este disco é constituído fundamentalmente por fados tradicionais aos quais se juntam inéditos criados para a singularidade da sua voz.

Currently, we have no future events.